Sociedade de São Vicente de Paulo

Conselho Metropolitano de Goiânia da Sociedade de São Vicente de Paulo

SSVP

Conselho Geral Internacional (CGI) lança um guia rápido para orientar o trabalho das Conferências.

Postado em: 05/04/2019 às 10h10min

Print Friendly and PDF

Na busca constante pela formação, o Conselho Geral Internacional (CGI), por meio da Vice-presidência de Formação e Treinamento do Conselho Geral Internacional apresenta o Manual da Conferência.

De acordo com o CGI, o manual foi feito levando em consideração não só a Regra, mas também a leitura dos diferentes textos que tratam da Sociedade de São Vicente de Paulo, como a biografia dos sete fundadores, as mensagens dos Presidentes Gerais, além da tradição, da história e da alma vicentinas, coletadas através de todos os países membros da Confederação.

Na opinião do 16º Presidente Geral, confrade Renato Lima, a formação é prioridade número 1 na Sociedade de São Vicente de Paulo. “A formação é tão importante para o Conselho Geral Internacional que, na lista dos 10 pontos do planejamento estratégico, ocupa a primeira posição (“Formação permanente e para todos os membros”). É graças à boa formação vicentina que os confrades e consócias podem aperfeiçoar a sua dupla missão: a santificação pessoal e a caridade junto aos que sofrem. Sem uma formação adequada, nenhuma dessas dimensões poderá ser atingida”, assim concluiu o Presidente Geral.

O Manual pode ser baixado neste link, compartilhe em sua unidade e boa leitura.

Fonte: Confederação Internacional da Sociedade de São Vicente de Paulo

Site: www.ssvpglobal.com

Com o seguinte parecer do Denor Nacional, pedimos ampla divulgação entre as unidades vicentinas

Analisando o Manual da Conferência apresentado pelo CGI e comparando-o com o Regulamento da SSVP no Brasil e demais disposições emanadas do CNB, constatou-se que não coincidem nos seguintes pontos:

1 - Quantidade mínima de membros nas Conferências CGI: ideal mínimo de 7 membros CNB: ideal de 12 a 15 membros, exceto zona rural (art. 63 Regulamento)

2 - Idade para assumir encargo de Presidente CGI: não deve ser acima de 70 anos na data da eleição CNB: não deve ser acima de 80 anos na data da eleição (35, III Regulamento).

3 - Membros da mesa CGI: poderá ter dois vices-presidentes CNB: somente um vice-presidente (art. 39,II, Regulamento)

4 - Competência dos secretários CGI: "as atas estarão à disposição dos membros das Conferências antes de cada reunião para que sejam lidas previamente" CNB: não existe essa norma previst.

CONCLUSÃO:

Verifica-se que tais desconformidades apuradas não se opõem nem interferem em nenhum normativo interno da SSVP no Brasil, estando o Manual da Conferência, apto a ser divulgado em todo o solo brasileiro.

Segundo o confrade Júlio César, vice presidente territorial do CGI:

"E devemos lembrar que o Manual foi feito observando a Regra Internacional que, obviamente, está acima da Regra Nacional. Então não existem "desconformidades" e sim particularidades da SSVP do Brasil que não se aplicam a outros países. O Manual é um documento de formação e orientação, de cunho generalista, ou seja, aplicável a todos os países onde existe a SSVP. É um documento que terá um peso maior para países pequenos, com pouca estrutura de formação ou pouca tradição vicentina, onde ainda se observam dúvidas frequentes sobre a atividade vicentina a partir da célula-base que é a Conferência."

Abraços fraternos,
Confrade Cristian, Presidente do Conselho Nacional do Brasil.